12 de jan de 2014

Filme: Memórias de uma Gueixa

Nome: Memórias de uma Gueixa
Ano: 2005
Direção: Rob Marshall
Gênero: Drama
Duração: 145 minutos
Avaliação:     
Sinopse: O filme começa nos anos que antecedem a Segunda Guerra Mundial, quando uma criança japonesa chama Chiyo é vendida pelo seu pai, pescador de uma vila de pescadores, para uma casa de gueixas. Ela ficaria destinada durante os primeiros anos às tarefas domésticas, conforme ditava a tradição. Cresce na dúvida e na esperança de encontrar a família, sem compreender o sentido da vida que agora levava, até que, por obra do destino, conhece acidentalmente um dos homens mais poderosos do Japão por quem se apaixona imediatamente e, para lhe conseguir chegar, reconsidera o rumo da sua vida para se tornar uma gueixa de sucesso. Chyio, que passaria ser conhecida como Sayuri (o seu nome de gueixa) recebe a sua formação de uma das mais conceituadas gueixas do Japão, Mameha, rival de uma outra que vive na sua casa (Okyia) e que, desde a sua chegada, lhe tem dificultado a vida.



Um Filme totalmente apaixonante! Eu já vi esse filme mais de uma vez e olharia mais vezes, e sem dúvidas quero comprar o livro!
Todo o enredo do filme começa no Japão, no início da Segunda Guerra mundial, o cenário do filme foi totalmente fiel as construções antigas (casas, templos, etc) do Japão naquela época, o que eu achei super bacana, é claro. Aquela época eram tempos difíceis, Chyio foi vendida junto com a sua irmã, pelo o seu pai, e quando chegou na Okyia que iria ficar, ela foi separada da sua irmã, e desde então, foi tratada como a serviçal de sua casa. Um dia ela foi procurar por sua irmã e combinaram de fugir na noite seguinte, então, na noite da fuga, ao escalar o telhado da casa para fugir, ela acaba caindo e quase quebrando um braço. No outro dia, ela vai em uma ponte da cidade, avistar as cerejeiras e a cena mais fofa do filme acontece: Ela encontra com o presidente! Ele pergunte para ela o motivo dela estar triste, e ela não responde, depois ele vê as ataduras no braço dela, e ele falou que não era para ela ficar triste, pois todos nós tropicamos algum dia, e ele paga um sorvete para ela. O Presidente se encanta com os seus olhos cor de água, e pergunta para Chyio:
Presidente: "Quem te deu esses olhos?"
Chyio: "Foi a minha mãe."
Presidente: "Ela foi bem generosa com você, não acha?"
(um dos meus diálogos favoritos no filme!)
Depois que eles tomaram o sorvete o presidente deu para ela um lenço com as suas iniciais e o troco do sorvete, com aquele troco, Chyio pediu preces para que ela pudesse se reencontrar com o presidente e se tornar uma gueixa, para ficar do lado dele (O presidente estava com duas belas gueixas em seu lado).
Achei incrível a forma que a criança interpretou a personagem principal, até os choros dela pareciam ser reais, o olhar desesperador da menina ao ser mandada Hatsumomo (mulher que vivia na mesma Okyia que Chyio), uma atriz mirim impecável!
O filme começa a ficar melhor ainda quando chega aos "15 invernos" de Chyio, quando ela recebe a visita de Mameha, uma das gueixas mais conceituadas do Japão, e ela ofereceu a proposta de ser a sua "mestra", para que ela se torna-se uma legítima gueixa. A partir desse momento, a vida de Chyio começa a melhorar, ela deixa de ser uma criança que era quase uma serviçal em sua okyia, para ser uma elegante gueixa.
Bom, não quero estragar o final do filme para quem não viu ainda! Mas em questão geral, o filme é ótimo, o cenário é realmente lindo, típicos cenários de fundos japoneses, fiel a época de 1940, a história é incrível, foi apenas pequenos detalhes que eu não gosto do filme, como algumas cenas de Hatsumomo, mas isso não torna o filme menos bom.


Frases:

"O coração tem uma morte lenta. Perde-se a esperança como as árvores perdem as folhas. Uma a uma."
"Nós não nos tornamos gueixas porque queremos, é porque não temos escolha."
"Amizade é uma coisa preciosa, Sayuri. Não deve ser jogada fora."

Cenas:











Por hoje é só gente, gostaram do novo layout do blog? O blog está vindo com tudo em 2014, hein? E ainda haverá mais surpresas e um possível sorteio por aí, e já notaram que não falta tanto para a meta do blog? Vamos torcer para que esse sorteio saia logo! Um beijão!

6 comentários:

  1. Um dos meus filmes preferidos. Roteiro ,fotografia, atuações e figurinos absolutamente impecáveis. A atriz mirim detona .
    www.claudinhafernandes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Devo concordar com tudo! Um filme impecável! Não é atoa que foi indicado por 6 Oscar e ganhou um Globo de Ouro! Adoro ele!
      Um beijão Claudia!

      Excluir
  2. Tenho MUITA vontade de assistir esse filme, ainda mais do que li aqui!
    Acho que vou precisar comprar ele, porque nunca passa na TV, e não ando com paciência pra esperar :(

    Beijos, NathyLinda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu comprei ele em DVD, mas eu só vou pra Campinas em março, se não eu te emprestava agora, mas baixe ele nem que seja Fer, vale muito a pena!
      Beijinhos! <3

      Excluir
  3. Esse filme parece muito bom, historias de gueixas sempre são emocionantes <3 bjbj

    gringaalocal.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um ótimo filme! Recomendo, tente olhar algum dia, você irá adorar, beijos!

      Excluir

● Comente algo relativo ao post;
● São permitidas sugestões de incentivo;
● Gosto de críticas construtivas e etc;
● Xingamentos serão totalmente ignorados e excluídos;
● Retribuo comentários. Deixe o link do seu blog no final do seu comentário na postagem.